Pages

Subscribe Twitter

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

7 mandamentos para casar e ser feliz

Olá queridos!

Li este post no Blog do pastor Amilton Menezes e achei que a mensagem também tinha tudo a ver com o nosso Blog. O texto original foi extraído do livro “Sou Jovem… e agora?”, da CPB, pgs. 38-40. Porém, a adaptação é do próprio pastor Amilton.

Embora o texto tenha sido escrito para quem ainda vai casar, as dicas valem também para aqueles que já vivem um relacionamento a dois. Por isso, casados ou não, aproveitem as informações e sejam cada dia mais felizes!

7 mandamentos para casar e ser feliz
1. Respeite a vida particular de seu companheiro. Não importa quanto você ame seu esposo ou esposa; às vezes, há necessidade de absoluta vida particular para ambos.

2. Lembre-se que seu companheiro precisa de mais auxílio quando sua maré está baixa. Tudo é fácil quando as coisas vão bem. Mas não esqueça que o caráter se aperfeiçoa nas duras adversidades e aí é hora de compreensão.

3. Não queira “provar” que pode tudo todo o tempo. Não gaste suas energias demonstrando sua capacidade de ser bem-sucedido.

4. Jamais provoque ciúmes para prender seu companheiro. Se você não pode impressionar seu parceiro com amor essencial que você lhe tem, montanha alguma de ciúmes o conseguirá.

5. Respeite o companheiro todo o tempo. Respeitar significa simplesmente honrar a dignidade e o valor do indivíduo, seja ele o patrão, o amigo casual ou a pessoa a quem você prometeu honrar e amar por toda a vida.

6. Tolere as falhas e fraquezas de seu companheiro. A concordância em aceitar o cônjuge “nos bons e nos maus dias” tem implicações muito amplas.

7. Ame um ao outro como a si próprio. À primeira vista este mandamento parece desnecessário. Mas o casamento auxilia o processo de aprendizado que transfere a ênfase do pronome “Eu” para “Você” até que isto se torna normal para o resto da vida.

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Cama para cachorro usando moletom velho

Se você tem um blusão de moletom velho tão acabadinho, que não dá nem pra doar para alguém, vai amar essa ideia publicada na Revista Minha Casa, da edição de setembro: "Como fazer uma cama para cachorro usando moletom velho".

Mesmo que você não tenha um bichinho de estimação, está aí uma ótima ideia para dar de presente para alguém que tenha um animalzinho, ou ainda, até dá pra ganhar uma graninha extra, fazendo e vendendo! Q tal?!

O passo-a-passo é bem detalhadinho e é moleza até para os mais inexperientes na costura ou em trabalhos manuais =)

Você vai precisar de: Blusão de moletom usado - manta acrílica - recheio de almofada - (45 x 45 cm) - Linha de tricô - Linha comum - retalho de - 19 x 29 cm - agulha grossa - alfinetes
Vire o moletom do avesso, junte as bordas da gola e costure com linha de tricô e uma agulha para bordar. Desvire a peça. Caso queira agilizar o processo, costure à máquina.  
Estique o blusão e marque com alfinetes uma linha reta de uma axila a outra. Se preferir, use régua e giz para riscar o tecido. Costure unindo frente e costas da malha, acompanhando o traçado. Retire os alfinetes.  
Coloque as mangas ao longo do corpo do moletom e alfinete para prender as partes. Costure até próximo ao punho em ambos os lados. 
Pela abertura dos punhos, insira manta acrílica, espuma picada ou até mesmo sobras de tecidos. Deixe bem fofinho, pois esta parte servirá como borda da cama.  
Preencha a barriga da blusa com o recheio de almofada. 
Junte as barras costurando-as de um lado a outro, ou seja, fechando totalmente o vão. Este passo também pode ser feito na máquina de costura. 
Una os punhos e feche-os entre si com uma costura reforçada, usando linha de tricô.
 Troque pela linha comum e faça uma barra simples nos quatro lados do tecido de 19 x 29 cm, que servirá de acabamento. Alfinete uma das laterais grandes do retalho nos punhos e costure na beirada com linha comum. Circunde a peça e prenda a ponta com uma nova costura.
Agora é só chamar seu cachorro para curtir o abrigo!

Muito legal, né?! #ficaadica ;) 
[]s