Pages

Subscribe Twitter

quarta-feira, 23 de março de 2011

Perca peso com a “Dieta do Blackberry”

Calma gente! Não é nada sobrenatural e, muito menos, tem a ver com algum tipo de radiação liberada pelo aparelho celular.

Na verdade, o segredo da "Dieta do Blackberry" é um aplicativo que contabiliza as calorias consumidas todos os dias, ajudando pessoas como a inglesa (da foto) Sheli Henderson, que perdeu quase 45 quilos em apenas um ano.

Sheli contou ao jornal britânico “Daily Mail” que há anos tentava lutar contra os quilinhos a mais que a incomodavam, testando as mais variadas dietas – sempre sem sucesso. Até que um dia, (pesando mais de 114 quilos) ela resolveu baixar o aplicativo que conta calorias e fazer o teste por uma semana. Sheli perdeu um quilo logo de cara e resolveu continuar.

Na época (maio do ano passado), Sheli trabalhava como garçonete e tinha uma dieta nada saudável, com muitos salgadinhos e batatas fritas. "Eu simplesmente colocava tudo o que estava consumindo e ele (o Blackberry) me mostrava quantas calorias estava ingerindo. Muito fácil!”, contou.

Entusiasmada com o aplicativo, Sheli decidiu se matricular em uma academia e com isso perdeu 44,5 quilos em dez meses.

Coisa boa, né gente!?

Pois é! E sabem que pesquisando mais sobre assunto, descobri uma outra matéria bem legal que conta a história de um repórter do New York Times, Owen Thomas, que perdeu 28,5Kg em menos de um ano, utilizando o aplicativo MyFitnessPal.

Thomas trabalhava em casa há quatro anos e rapidamente engordou quase 16 quilos devido à sua nova rotina.

Porém, há menos de um ano, ele passou a contar com a ajuda do MyFitnessPal, no qual ele postava sua dieta e os exercícios que ele realizava diariamente. Para completar, tudo que ele postava no aplicativo também era compartilhado com seus amigos no Facebook e no Twitter.

A experiência surtiu efeito. Alguns amigos e familiares começaram a acompanhar os esforços de Thomas, ajudando-o a manter o ritmo e até mesmo iniciando sua própria dieta e exercícios - e consequentemente, atualizando seus perfis no MyFitnessPal. O compartilhamento das informações com seus amigos fez com que Thomas perdesse 28,5Kg em menos de um ano.

Segundo matéria publicada pelo jornal americano, quanto mais amigos a pessoa tem no MyFitnessPal, melhores são os resultados: "pessoas com pelo menos dez amigos perdem uma média de 9Kg". Outro dado é que se a pessoa utiliza o MyFitnessPal (ou outro aplicativo similar), a tendência é que ela perca 50% de peso a mais que não-usuários num mesmo espaço de tempo.

Se você se animou e quer testar pra crêr, confira abaixo uma lista de aplicativos que podem ajudar na sua dieta:

DAILYBURN (gratuito, versão pro custa US$9,99 mensais, Web, iPhone)
Mantém controle da comida e das calorias de cada exercício. Aplicativo para iPhone escaneia códigos de barras para informar calorias. Permite que você adicione amigos como motivadores ou dispute desafios com eles.

GAIN FITNESS (gratuito)
Elabora treinos aleatórios em casa ou na academia baseado no tempo disponível, experiência e equipamentos disponíveis.

LOSEIT (gratuito, Web, iPhone)
Mantém controle da comida e das calorias de cada exercício. Compartilha relatórios com o Twitter e Facebook.

MYFITNESSPAL (gratuito, Web, iPhone, Android)
Mantém controle da comida e das calorias de cada exercício. Compartilha relatórios com o Twitter e Facebook.

SOCIALWORKOUT (gratuito, Web)
Permite usuários entrarem em desafios e reportarem seu progresso no Facebook. Atividades variam entre objetivos de nutrição até coisas mais esotéricas como evitar o uso de sacos de plástico ou tirar uma folga no meio do dia.

Grande abraço gente e o desejo de muito sucesso nas dietas de todos nós! =)

terça-feira, 22 de março de 2011

Garis encontram filhotes no lixo

Essa notícia saiu na semana passada no Jornal Hora de SC. Mas só hoje consegui acessar o Blog para contar pra vocês.

Dois garis, José Carlos Silva e Renaldo Calciator, encontraram cinco filhotes de cão dentro de uma mala jogada no lixo, momentos antes de ligarem o triturador do caminhão.

Muito desidratados, os filhotes, com cerca de 60 dias de vida, foram encaminhados para a Diretoria do Bem Estar Animal. Sob os cuidados dos tratadores, receberam água, ração e vacinas. Um deles, porém, morreu poucas horas depois de chegar. Os quatro sobreviventes permaneceram no Centro de Zoonoses, no Itacorubi, até que alguém os adote.

Segundo a responsável pela Diretoria do Bem Estar Animal, Maria da Graça Dutra, se não tivessem sido encontrados, os cãezinhos certamente morreriam de sede ou triturados pelo caminhão de lixo.

Caso seja identificado, o autor do abandono pode ser preso por maus tratos aos animais e ficar preso entre três meses e um ano.

Fiquei bem impressionada com esta matéria. Como pode um ser humano jogar cinco filhotinhos de cão pra morrer? O mesmo ser humano que é capaz até de jogar seu próprio bebezinho por cima do muro, na privada e também no lixo.

Triste e cruel realidade que não pode ser aceita de maneira alguma.

Aparentemente pode parecer uma questão óbvia. Porém, às vezes, só porque existem pessoas bem mais malvadas e cruéis, temos a tendência de relevar "pequenos" atos de crueldade como esse da notícia e deixar passar despercebido.

Mas precisamos estar atentos a qualquer tipo de crueldade e nos posicionarmos ao lado oposto dele. Porém, não só condenar quem faz, como também ajudar a educar as futuras gerações.

É provável que a pessoa que jogou os filhotes no lixo não tivesse condições de criar aqueles cinco animais. No entanto, simplesmente, jogá-los no lixo para morrerem não é a atitude correta.

Em primeiro lugar, todos aqueles que possuem um animal de estimação tem que estar cientes de que a reprodução faz parte do ciclo da vida de todas as criaturas divinamente criadas. Logo, se não tinha condições de criar filhotes, deveria ter planejado castrar seu animal há muito tempo.

É fato que o custo do procedimento em clínicas veterinárias particulares pode assustar um pouco. Mas existem diversos lugares - como Centros de Controle de Zoonozes de diversos municípios, ONGs e Hospitais Veterinários de Universidades - que costumam oferecer o serviço gratuitamente, cabendo ao dono apenas a boa vontade de encontrar um tempo para correr atrás.

Além disso, em último caso, também existe a opção de correr atrás de criadores adotivos para os bichinhos. Tem tanta criança querendo um animalzinho de estimação. E para isso também existem ONGs, feiras e até Clínicas Veterinárias que emprestam um espaço para "vitrines" de animais para serem doados.

Jogar filhotes no lixo JAMAIS poderá ser considerada uma atitude aceitável.

Passe essa ideia adiante e, quem sabe, muita gente passe a ser mais gentil com os animais e também com seus semelhantes.

Pra rir um pouco...

Oi gente!

Não sei se isso é um fato comum entre as pessoas, mas eu ADORO gráficos. Sempre que eu posso, dou um jeito de incluir algum gráfico nas matérias que escrevo. Pra mim, fica tudo MUITO mais fácil de entender.

Há alguns dias, recebi algumas piadinhas em forma de gráficos que achei o máximo. Aliás, confesso que já ri muito sozinha na frente do computador. Então, como forma de aliviar um pouco o estresse do seu dia, posto as imagens abaixo. Aproveitem!

E quem já viu... sempre vale a pena RIR de novo!